MULHER QUE DEU A LUZ E ABANDONOU CRIANÇA EM BANHEIRO É PRESA

08/10/2016

A mulher de 25 anos suspeita de dar à luz e abandonar a recém-nascida no banheiro de um campo de futebol abandonado, em Paranapanema, foi presa na sexta-feira, dia 7.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher responderá pelo crime de tentativa de homicídio. A bebê está internada no hospital da cidade e passa bem. De acordo com a mulher, ela fez o parto normal sozinha no banheiro.

Segundo a polícia, a mãe foi presa e levada à cadeia de Pirajuí. Ela se recuperava de uma hemorragia e estava internada no hospital da cidade. O pai da criança é desconhecido.

O delegado responsável pelo inquérito, Roberto Theodoro de Oliveira, explica a acusação. “Cabe a tentativa de homicídio porque a criança foi deixada em um local abandonado, vazio e correndo risco de vida. Também porque a blusa envolta da criança tinha marcas de queimadura e brasa na ponta. Ela pode ter tentado botar fogo no recém-nascido. A mãe nega, mas vamos investigar”, diz.

A mãe confessou, em depoimento depois do parto, que deixou a criança no local e fez isso porque era uma gestação indesejada. A mulher já tem outras duas filhas, que ficarão com a avó materna. A avó materna deve ter a guarda também da recém-nascida, afirma o Conselho Tutelar da cidade.

Conforme o presidente do órgão, Rominigue dos Santos Rodrigues, essa é a decisão mais provável, mas não a única. “Como o pai é desconhecido e até agora não reivindicou a guarda da criança, também pelo fato de que deixar a criança no abrigo é em última instância, a hipótese mais provável é que o bebê fique com a avó”, conclui.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *