ESPETÁCULO “SABER DE VITÓRIA” É APRESENTADO NA REGIÃO

19/04/2018
O Ministério da Cultura e o Instituto CCR levaram o espetáculo “Sabor da Vitória” para Itaí e Águas de Santa Bárbara, nos dias 17 e 18 de abril. A encenação foi realizada pelo BuZum!, companhia de teatro de bonecos sobre rodas que circula por todo o Brasil levando a magia do palco para alunos de escolas públicas.

Com o patrocínio da CCR SPVias, empresa fiscalizada pela ARTESP (Agência de Transportes do Estado de São Paulo), o BuZum! apresentou sessões gratuitas nas escolas municipais das cidades.

O tema do espetáculo desse ano é alimentação saudável, que vem ganhando mais adeptos pelo mundo afora. “Quando mais cedo começarmos a entender isso, melhor será, afinal a obesidade infantil tem crescido muito nos últimos anos”, afirma Mariane Gutierrez, diretora de produção do BuZum! Não é à toa que essa questão tão emergente seja levada às escolas, já que a obesidade cresceu 60% no Brasil nos últimos dez anos. Uma em cada cinco pessoas no país está acima do peso, segundo pesquisa divulgada no Ministério da Saúde, em 2017.

De forma cômica e criativa, o BuZum! encenou uma fabulosa história com charmosos bonecos, retratando cenas muito reais dos dias atuais. “Partimos do ponto que, determinados alimentos causam benefícios, ou malefícios em nosso corpo. Se isso já é uma preocupação aos adultos, por que não iniciarmos às crianças? Decidimos trazer essa reflexão também para os pequenos, pois através da reeducação eles poderão lembrar e assimilar no futuro”, explica Beto Andreetta, diretor do BuZum! e da Pia Fraus.

Entender como o alimento age diretamente na vida de um ser humano pode colaborar com um destino mais positivo e com menos doenças. É exatamente isso que a história da peça Sabor de Vitória abordará de forma poética e lúdica.

Com texto de Claudia Naoum, concepção de Beto Andreetta e Mari Gutierrez e direção de Wanderley Piras, o famoso ditado “Somos aquilo que nos alimentamos” foi explicado por meio de brincadeiras e diálogos de uma das personagens principais: Júlia, uma esperta e curiosa menina, recebe uma medalha de campeã de um torneio de embaixadinhas, quando encontra uma caveira brincalhona. Depois do susto inicial, a menina descobre que a caveira é na verdade o esqueleto de Luiz, um menino preguiçoso e com péssimos hábitos alimentares. Júlia tenta ajudar o esqueleto e outros órgãos de Luiz para melhorar seus hábitos alimentares. No espetáculo, diversos bonecos como: o cérebro, o coração, os olhos, a boca, o nariz e a orelha transmitem a mensagem do que cada alimento causa no organismo.

A itinerância pelas 24 cidades é apresentada pelo Ministério da Cultura e pelo Instituto CCR, por meio da Lei Rouanet, com patrocínio da CCR SPVias e acontece de até o mês de novembro de 2018, circulando por vários estados do Brasil.

O Instituto CCR é uma entidade privada sem fins lucrativos, criada em 2014 para estruturar a gestão de projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos apoiados há mais de 10 anos pela empresa, por meio das concessionárias do Grupo CCR.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.