ENTIDADES ASSISTENCIAIS RECEBERÃO R$ 2,5 MILHÕES DA PREFEITURA

A Prefeitura de Avaré, por meio da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Semads) celebrou,no último dia 10, o repasse de verbas municipais às entidades ao longo de 2015. Ao todo, serão mais de R$ 2,5 milhões para favorecer o trabalho assistencial.

Segundo nota enviada pela Secretaria de Comunicação, com o repasse, as entidades deverão melhorar a condição de vida das mais de 900 usuários dos serviços das entidades assistenciais da cidade. “É esse o compromisso da Prefeitura, reforçado esta semana com a assinatura de convênio com 13 instituições que atendem famílias em situação de vulnerabilidade social no município”.

ENTIDADES – Firmaram convênio com a Semads as seguintes entidades: Colônia Espírita Fraternidade, Núcleo de Orientação e Capacitação à Infância e Juventude de Avaré (Nocaija), União Negra Avareense (UNA), Sociedade Evangélica de Assistência Recuperadora de Avaré (Seara), Voluntários Anônimos de Avaré (VANA), Amigo Solidário, Creche dos idosos Senhora Santana, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), Fundação Padre Emílio Immoos, Conselho de Obras Sociais de Avaré (COSA), Residência do Amor Fraternal de Avaré (RAFA), Lar São Vicente de Paulo e Educandário Santa Maria.

Medida importante adotada pela administração foi a regularização dos repasses não pagos pela gestão anterior. Em 2013, foram mais de R$ 2,4 milhões. Deste valor, mais de R$ 928 mil foram referentes a dívidas deixadas em 2012.

SOCIAL – A destinação é planejada por levantamento que leva em conta o número de pessoas atendidas e sua permanência nos equipamentos de assistência. Os repasses ocorrem após a liberação do Fundo Municipal de Assistência Social. As entidades devem cumprir requisitos como: comprovação da regularidade da entidade e prestação de contas com a apresentação de documentos que atestem a correta aplicação dos recursos recebidos nos meses anteriores.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.