DENUNCISMO DE ADALGISA É CHAMADO DE IRRESPONSÁVEL POR SECRETÁRIO

02/10/2018

A denúncia apresentada pela vereadora Adalgisa Ward durante sessão da Câmara Municipal de Avaré, vem gerando polêmica na cidade. A parlamentar apresentou uma denúncia de um suposto crime ambiental que estaria ocorrendo na represa de Jurumirim.

Sem saber a qualidade da água e se a mesma estava poluída, ou mão, a parlamentar exibiu um vídeo, onde uma moradora registra uma água escorrendo para a represa.

Para o secretário de Meio Ambiente, Judézio Borges, a denúncia da vereadora sem que o caso fosse apresentado pela setores ambientais, seria irresponsável.

“A Secretaria do Meio Ambiente já foi informada sobre o episódio e vai encaminhar fiscais até o local para analisar a denúncia de vereadora. Importante reforçar que a Secretaria do meio Ambiente não registrou nenhuma denúncia formal sobre o caso. A vereadora ou o morador que a encaminhou poderia ter comunicado imediatamente a Secretaria do Meio Ambiente para que tomasse as providências, mas, infelizmente, resolveu fazer uso político do caso, levando o assunto para a tribuna da Câmara, responsabilizando pessoalmente o prefeito municipal que não é responsável pelo vazamento”, disparou.

“Até o momento, ninguém pode afirmar com exatidão do que se trata o líquido mostrado no vídeo. A acusação de suposto crime ambiental imputada à associação é algo prematuro e, aos olhos do secretário, um ato irresponsável da vereadora”, completou.

Durante a sessão de segunda-feira, dia 1º de outubro, o vereador Carlos Estati criticou a vereadora, afirmando que o discurso dela seria vazio e que a denúncia deveria ter sido encaminhada para a Cetesb, antes que a mesma fosse apresentada na Câmara.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.