CORPO DE JOVEM QUE FURTOU PEDALINHO É ENCONTRADO COM HEMATOMAS

03/02/2018
O corpo do jovem de 22 anos, que foi encontrado boiando no Rio Paranapanema durante uma ocorrência de furto de pedalinho, em Piraju, estava com marcas de violência, segundo a Polícia Militar.

Testemunhas contaram à polícia que a embarcação havia sido furtada pelo rapaz e que naufragou durante a fuga.

De acordo com a corporação, os bombeiros resgataram o corpo na quinta-feira, dia 1º de fevereiro, e constataram que havia ferimentos na cabeça do rapaz.

Ainda de acordo com a polícia, uma perícia técnica da Polícia Civil foi acionada e o caso será investigado como morte suspeita.

O caso foi registrado na delegacia como morte suspeita. Outros dois jovens foram detidos. Eles foram ouvidos na delegacia, onde confessaram que participaram do furto. Eles foram liberados e devem responder por furto.

FURTO – Segundo a Polícia Civil, uma equipe da Polícia Militar foi informada na tarde de quinta-feira de que dois pedalinhos tinham sido furtados de uma propriedade por um grupo já conhecido nos meios policiais e que tem passagem por furto.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais militares foram até a casa de dois suspeitos e, questionados, eles confessaram que tinham furtado junto com o rapaz e uma mulher as embarcações que ficam ancoradas perto de um bar. Mas durante a fuga, os dois pedalinhos naufragaram e eles caíram no rio.

Ainda conforme a polícia, os suspeitos alegaram que conseguiram nadar, mas o jovem sumiu pelo rio e que não sabia nadar. Além disso, afirmaram à polícia que não acionaram socorro porque não tinham telefone.

Os bombeiros foram chamados e, após buscas, encontraram o rapaz boiando às margens do Rio Paranapanema. Já os pedalinhos foram encontrados perto de onde ocorreu o furto. A mulher citada por eles não foi identificada.

Fonte: G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.