CÂMARA APROVA LEI QUE OBRIGA BANCOS A DISPONIBILIZAR CAIXAS ELETRÔNICOS FUNCIONANDO

A Câmara de Vereadores de Avaré aprovou por unanimidade na noite da última segunda-feira, dia 5, o Projeto de Lei n° 77/2015, de autoria da vereadora Bruna Silvestre, que altera as obrigações das agências bancárias e postos de serviços de atendimento ao público, localizados na cidade.

Os bancos deverão disponibilizar no mínimo três caixas eletrônicos em funcionamento, inclusive o serviço de saque. A obrigação complementa a referida Lei que em seu artigo 2° limita o atendimento aos clientes em 15 minutos para os dias normais e 30 minutos em dias que antecede os feriados.

“Acho que seria mais que essencial à gente ter no mínimo 3 caixas para fazer o saque. Existem algumas agências bancárias na cidade que o único caixa eletrônico em funcionamento não tem dinheiro disponível”, disse Bruna Silvestre.

Segundo a vereadora, uma Estância Turística que não possui um terminal 24 horas, tem a necessidade de que as agências bancárias disponibilizem dinheiro suficiente nos caixas eletrônicos, fato que não tem acontecido na cidade e afasta o turista, que precisa de um serviço simples e não consegue ser bem atendido.

O vereador Marcelo Ortega apoiou o Projeto de Lei e disse que os bancos têm condições de prestar um serviço de melhor qualidade. “Acredito que 3 caixas eletrônicos é um número razoável qualquer banco pode colocar 3 terminais funcionando o tempo todo. Não é possível que um banco com a sua estrutura gigantesca e moderna não tenha condições de fazer. O Brasil é um país em que o sistema bancário é reconhecido no mundo inteiro pela sua qualidade”, disse Marcelo Ortega.

O Projeto de Lei aprimora a Lei Municipal em vigor (1289/2009) que impõe às instituições financeiras a oferecer um serviço de melhor qualidade, sobretudo para agilizar o atendimento às pessoas que utilizam os guichês de atendimento pessoal da agência.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *