AVARÉ REGISTRA ALTA NO NÚMERO DE SUICÍDIOS EM RELAÇÃO A 2017

07/05/2018

O número de suicídios em Avaré continua assustando os moradores. De acordo com dados da Polícia Civil, nos primeiros quatro meses de 2018 foram registrados 5 suicídios e duas pessoas tentaram contra a própria vida. No mesmo período de 2017, nenhum caso foi registrado, ou seja, o número de suicídios deste ano é o maior desde 2016.

O ultimo ocorreu na segunda-feira, dia 30 de abril. Segundo o registro policial, um homem de 49 anos se enforcou. De acordo com a Polícia Militar, após serem acionados, compareceram a uma residência localizada na Rua Amaral Pacheco. No local foram informados que o filho da vítima teria ido à casa do pai, porém ele não teria atendido.

Um vizinho precisou pular o muro para abrir o portão. Os dois foram até o fundo da casa e viram C.N.C. enforcado. A ex-esposa do homem também compareceu ao local e disse aos policiais que eles haviam se separado há alguns dias.

Ela disse ainda que viveu com C. por 24 anos e que devido a brigas e ele consumir bebidas alcoólicas, decidiu sair de casa. A mulher revelou ainda que foi conversar com o ex-marido na manhã do crime a respeito da convivência com o filho e que a noite ficou sabendo da tragédia.

Para a Organização Mundial da Saúde (OMS), o número aceitável de suicídios é de 6 por ano para uma população de 100 mil habitantes, o que faz com que Avaré esteja acima dessa média.

Para que está passando por um momento delicado e pensa em cometer suicídio, uma alternativa é buscar os serviços do Centro de Valorização da Vida (CVV).

Uma das mais antigas organizações não-governamentais, o CVV não possui vínculos religiosos, políticos ou filosóficos, trabalhando com o serviço de apoio emocional prestado por telefone. Em Avaré o CVV atende pelo telefone 188, das 19 às 23 horas, porém as pessoas podem ligar a qualquer hora, pois o número é interligado.

O atendimento é gratuito e a pessoa não precisa se identificar. O mantenedor do CVV em Avaré é o Grupo de Apoio Moral Avareense (Gama).

Com informações do Jornal A Voz do Vale.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.