VEREADORES APROVAM PROJETO QUE CRIA DIPLOMA “FORÇAS DE SEGURANÇA”

10/08/2017

A Câmara de Vereadores de Avaré aprovou, na segunda-feira, dia 7, p Projeto de Decreto Legislativo que institui o Diploma Forças de Segurança, destinado a quem se destacar nas suas atuações ou atribuições relativas à área de Segurança Pública, seja no âmbito Federal, Estadual ou Municipal.

O Projeto de autoria do vereador Sérgio Luiz Fernandes foi aprovado por unanimidade e estabelece que anualmente, no mês de abril, em Sessão Solene será entregue o diploma.

“É muito oportuno instituir nesta Câmara Municipal a homenagem prevista neste projeto, como forma de reverenciar público e oficialmente os Agentes dos diversos órgãos da Segurança Pública, visto o relevante serviço prestado em prol da sociedade avareense, 24 horas por dias, 7 dias da semana, onde esses bravos profissionais, colocam-se à disposição da sociedade para sua defesa” – disse o vereador.

Ainda segundo o projeto, a biografia do indicado deverá ser apresentada com antecedência mínima de 2 meses, respeitada a indicação de um nome por entidade. Poderão ser indicados os profissionais da Polícia Militar, Polícia Civil, da Secretaria de Administração Penitenciária, Guarda Municipal ou do Tiro de Guerra.

“Essa homenagem é muito pouco se comparado com a abnegação dessas pessoas, que escolheram, dentre tantas profissões menos perigosas, a profissão na área da Segurança Pública, tão imprescindível quanto o ar que respiramos ou a água que bebemos” – justificou Sérgio Fernandes.

O decreto entrará em vigor na data da sua publicação e fica a Presidência da Câmara autorizada a utilizar dos recursos previstos no orçamento vigente do Legislativo para atender as despesas com a solenidade.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.