VEREADOR DE IARAS SUSPENDE CASSAÇÃO E RETORNA À CÂMARA

05/08/2016

O vereador de Iaras, Regiclebson do Carmo Gonçalves (PSDB), que foi cassado em junho deste ano por infidelidade partidária, obteve efeito suspensivo da decisão e voltou ao cargo no Legislativo na quarta-feira, dia 3.

Ao G1, Gonçalves alega que não cometeu infidelidade partidária e que a Justiça seguirá a mesma linha de raciocínio da suspensão entendendo que ele é inocente.

O parlamentar estava fora do cargo há dois meses e estava sendo substituído pela suplente Silvia Aparecida Damiano Pereira, ou Tuca (PSDB), que automaticamente voltará a ser suplente.

De acordo com o setor jurídico da Câmara de Iaras, o efeito suspensivo é provisório e foi dado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mesmo tribunal que em junho cassou o mandato do vereador. Enquanto o recurso não for julgado, o vereador continuará exercendo cargo, completa o Legislativo.

ENTENDA – Gonçalves teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral por infidelidade partidária em junho deste ano. De acordo com a decisão, o político mudou do partido PSD para o PSDB sem justa causa, já que não comprovou as hipóteses de desfiliação previstas na legislação eleitoral.

Com informações do G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.