VEREADOR COBRA MAIS TRANSPARÊNCIA SOBRE A REAL SITUAÇÃO DA AVAREPREV

Durante a sessão da Câmara realizada na última segunda-feira, dia 22, o vereador Ernesto Albuquerque fez sugestão ao prefeito Poio Novaes e ao Sindicato dos Servidores Municipais de Avaré e Região para divulgar de forma ampla a real situação da AVAREPREV e os riscos futuros que existem, caso não haja a responsabilidade dos prefeitos quanto ao recolhimento das contribuições patronais e dos servidores.

O petista solicitou que, além de utilizar dos meios de comunicação, que sejam realizadas reuniões com funcionários por setores da Prefeitura. “O caso se refere à aposentadoria dos servidores municipais de Avaré e tem que ser tratada com extrema seriedade, mostrando o quanto a atual gestão vem reparando as faltas em respeito a esse benefício”, destacou o parlamentar.

 Ernesto ainda pontuou alguns aspectos relacionados à gestão fiscal do município.  Para o petista, a redução de repasses federais e estaduais no ano 2015 em razão da situação do país, estaria afetando a capacidade de investimento dos municípios brasileiros, inclusive de Avaré.

 Atualmente, o comprometimento da folha de pagamento do funcionalismo público da Prefeitura está em 56,51%, ultrapassando o limite constitucional de 54%. “Segundo a Secretaria Municipal de Fazenda, há aproximadamente R$ 26 milhões de dívida ativa que podem ser cobrados pela Prefeitura e que a Secretaria está planejando tal cobrança”.

 O vereador acrescentou ainda que a exemplo dos demais pequenos e médios municípios brasileiros, Avaré continua dependendo de repasses federais e estaduais, apesar de providências tomadas pela gestão atual para aumentar sua receita própria. “Com relação ao restos a pagar, a situação atual é de R$ 38 milhões, sendo que em dezembro de 2014 era de R$ 65 milhões”.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *