SINDICATO FAZ CRÍTICAS CONTRA DEPARTAMENTO DA PREFEITURA DE AVARÉ

O Sindicato dos Servidores e Funcionários Públicos Municipais de Avaré e Região, através de seu presidente, Leonardo do Espírito Santo, fez duras críticas aos funcionários que fazem parte do Departamento de Análise de Contas (DAC) da Prefeitura. Segundo o sindicalista, os servidores estariam excedendo os limites e, em alguns casos, até mesmo descumprindo regras existentes no Estatuto dos Servidores Municipais.

Conforme verificado pelos diretores que atuam no sindicato, foram várias as reclamações referindo-se à chefia imediata do DAC. Os servidores alegam que os responsáveis costumam colocar o maior número de obstáculos para aprovação de notas e contas simples a serem reembolsadas pelo Município. “Não temos nada contra esses funcionários, mas gostaríamos que o setor ao qual o DAC é diretamente subordinado tomasse providências para evitar esses supostos abusos comumente observados”, destacou o presidente.

O sindicalista frisou ainda a necessidade de transparência na quitação dos valores e também nos deveres e proibições de cada setor da Prefeitura. “Fomos alertados por alguns servidores que os chefes do DAC são exigentes, até mesmo, quando à quitação de centavos nas contas, algo correto. Porém, não aceitamos dois pesos e duas medidas, uma vez que no próprio DAC existe uma situação irregular e que, necessariamente, tem que ser reparada em prol dos interesses dos servidores em geral”, destacou.

A afirmação de Leonardo refere-se ao Capítulo II do Estatuto dos Funcionários Públicos Municipais, Artigo 163, Inciso VIII, que veta, aos cargos de chefia, manter sob sua autoridade imediata, cônjuge, companheiro ou parente até segundo grau. “Essa é uma situação que está acontecendo debaixo do nariz das autoridades locais e estas agem como se não tivessem ciência. Já que o pedido é por legalidade plena, que ela parta, inicialmente, da pessoa que a está pedindo com tanta veemência”, frisou.

A direção do Sindicato deverá enviar uma solicitação para que o prefeito Poio Novaes realize uma análise da situação apontada e posterior solução do problema.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.