SEIS PESSOAS MORTAS EM ACIDENTE ERAM DA MESMA FAMÍLIA

03/04/2018
As seis pessoas que morreram após uma colisão frontal entre um carro e um caminhão no domingo, dia 1º de abril, eram da mesma família. A identidade do casal e dos três filhos foi confirmada por um familiar que aguardava a liberação dos corpos no IML de Botucatu.

O acidente foi na Rodovia João Mellão, que liga Pratânia e Avaré e, segundo a Polícia, teria ocorrido após uma tentativa de ultrapassagem.

No carro, com placas de Sumaré, estavam sete pessoas. Seis morreram no local e uma adolescente de 16 anos foi levada para o Hospital das Clínicas, onde permanece internada na UTI.

Laurinda, a filha Israilane, o marido e o bebê de 2 anos estão entre os mortos do acidente; outros dois filhos do casal também morreram (Foto: Arquivo pessoal)

O motorista do carro, Ismael Pires, de 44 anos, viaja com a mulher, Laurinda Silva Pires, de 38, com os filhos, Ismael Pires Filho, de 16, Israilane Tainara Pires, de 14, e Israel Pires, de 12, com a neta, Taynara Vitória Pires, de dois anos, e com a namorada do filho mais velho, a única sobrevivente.

Segundo o irmão de Ismael, Antônio dos Reis Pires, a família tinha passado o feriado de Páscoa na casa dele, em Águas de Santa Bárbara, e voltava para Sumaré quando aconteceu o acidente.

Ele e outros familiares aguardavam a liberação dos corpos no IML de Botucatu, o que aconteceu no final da tarde de segunda-feira, dia 2. Segundo Antônio, os corpos foram levados para Sumaré.

Após o acidente, a rodovia chegou a ficar interditada por cinco horas. O motorista do caminhão não se feriu e as causas do acidente ainda serão investigadas. Segundo a polícia, o motorista do carro não tinha carteira de habilitação.

Com informações do G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.