PARA ZIROLDO, OBRAS NO LANCHÓDROMO NO FIM DE ANO IRÁ PREJUDICAR O COMÉRCIO

Através de publicação no Semanário Oficial do Município do último sábado, dia 21, a Prefeitura de Avaré determina que os proprietários de alguns comércios localizados no lanchódromo, deixem o local até o próximo dia 5. Segundo a Prefeitura, o local passará por uma revitalização.

Durante a sessão da Câmara, que foi realizada na segunda-feira, dia 23, o presidente do legislativo avareense, vereador Denilson Ziroldo, destacou que a obra seria desnecessária neste momento, devido às festividades de fim do ano.

Para o parlamentar, os comerciantes seriam os mais prejudicados neste momento. “A Prefeitura vai gastar R$ 933 mil na revitalização da Concha Acústica que vai acabar atingindo os comerciantes do lanchódromo. Essa obra não poderia esperar até janeiro, quando as festividades já teriam passado? Eu acho que sim. Essa obra vai prejudicar os comerciantes e também a população de Avaré e os turistas”.

Ziroldo destacou que em épocas como o Natal e o Ano Novo, somente os quiosques ficariam abertos. “Nessa época eles abrem o comércio para aquele turista que está na cidade e também para atender a população avareense. Será que a Prefeitura não pode compreender que essas obras são inviáveis neste fim de ano?”.

Ele finalizou destacando que os comerciantes do lanchódromo têm funcionários e famílias para sustentar. “Uma obra totalmente desnecessária neste momento. O proprietário tem funcionários e famílias para sustentar. E o turismo no fim do ano, como que fica? Isso é falta de planejamento”, finalizou.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.