“O INTUITO DA VEREADORA É CRIAR POLÊMICA”, DISPARA PREFEITURA CONTRA MARIALVA BIAZON

12/09/2018

A vereadora Marialva Biazon apresentou uma grave denúncia contra o secretário de Saúde de Avaré, Roslindo Wilson Machado.

Segundo a parlamentar, Roslindo teria contratado a empresa RKM Serviços Médicos Ltda. que teria como sócio-administradoras: Valquíria Terezinha Machado e Andressa Luciana Machado, esposa e a filha do secretário, o que seria ilegal.

Questionada sobre o caso, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Comunicação, destacou que a Secretaria da Saúde “vai se manifestar somente no momento em que tomar conhecimento de todo o conteúdo que sustenta a suposta denúncia”.

Ainda segundo a nota, o objetivo de Marialva seria de criar polêmicas. “Até lá, não é possível se posicionar com base em conclusões pessoais da vereadora com único objetivo de criar polêmica política. O comportamento da vereadora não é novo”.

DENÚNCIA – Marialva afirma que antes dos vereadores analisarem o projeto que previa a elevação do nível salarial dos médicos, Roslindo Machado teria celebrado o contrato com a empresa da esposa e de sua filha.

“Recentemente veio a essa Casa um projeto para conceder aumento para os médicos e ficou subentendido que se não aprovássemos esse projeto a cidade e a população iria perder, pois os médicos iriam embora. O senhor secretário (Roslindo Machado) achou uma saída para a situação. Ele havia dito que se nós (vereadores) não aprovássemos a lei, conforme não foi aprovado, que ele daria um jeito, promovendo um chamamento público, onde ele estaria contratando alguns médicos através de contratação direta”.

A vereadora revelou que o secretário de Saúde celebrou o contrato 324/2018, no valor de R$ 36 mil por dispensa de licitação, pelo prazo de 12 meses. A contratante deveria realizar 100 consultas mensais, no valor de R$ 50 cada. O contrato foi assinado por Roslindo Wilson Machado, secretário Municipal e Andressa Luciana Machado da RKM no dia 3 de agosto.

“Antes mesmo que nós votássemos esse projeto nessa Casa, o secretário da Saúde se antecipou e fez o contrato 324/2018, contrato esse celebrado entre a Prefeitura da Estância Turística de Avaré e a RKM Serviços Médicos. Quem é a representante da RKM? Andressa Luciana Machado. Eu levantei os dados e verifiquei que os sócios administradores da empresa são Valquíria Terezinha Machado e Andressa Luciana Machado, a esposa e a filha do secretário”.

Para a vereadora, a denúncia seria grave. “Isso é grave, um escândalo. Isso é muito sério. Um secretário contratou a empresa de sua esposa e de sua filha para prestação de serviços”.

Devido à polêmica, o contrato acabou sendo rescendido de forma amigável. “Diante das denúncias, foi publicação no Semanário Oficial do Município, a rescisão do contrato de forma amigável, só que o serviço foi prestado pelo prazo de um mês. Pode ser que juridicamente não ser ilegal, mas isso é de uma imoralidade que não tem tamanho. Esse é o secretário que fala que estamos segurando projetos nessa Casa? É esse secretário que acha que estamos dormindo? Essa denúncia será encaminhada ao Ministério Público”.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.