MULHER DÁ À LUZ A TRIGÊMEOS EM AVARÉ

22/04/2016

A advogada Gabriela Borges de Souza, de 29 anos, teve a alegria triplicada após dar à luz dos trigêmeos Heitor, Thomaz e Sophia, em Avaré, na quarta-feira, dia 20. O parto foi na Santa Casa do município e, de acordo com o médico obstetra Adolfo Ramires, foi a primeira vez que o hospital registrou um nascimento de trigêmeos.

Gabriela entrou em trabalho de parto por volta das 11h. O nascimento dos filhos foi por meio de cesariana e durou uma hora. Esta foi a primeira gestação da moradora. “Eu e o meu marido estamos muito felizes. No primeiro ultrassom apareceram dois e ficamos muito animados. Mas quando fiz o segundo, apareceu o terceiro. Ficamos sem reação na hora e bastante surpresos. Mas estamos bem felizes com a chegada deles e é uma alegria para nós e toda a família”, conta.

Os três irmãos são gêmeos bivitelinos, ou seja, não são idênticos e foram gerados em óvulos diferentes. De acordo com o médico obstetra, o parto dos trigêmeos foi o primeiro a ser realizado na Santa Casa de Avaré. “A gestação foi saudável e eles não precisaram nascer prematuros, como acontece na maioria das gestações. Em outros casos, os partos precisaram ser realizados em cidades da região. Então, é a primeira vez que a Santa Casa de Avaré registra parto de trigêmeos”, conta o especialista.

Para Gabriela, a felicidade é inexplicável. “Estamos muito contentes que tudo deu certo. Graças a Deus a saúde deles está ótima e o parto deu certo. Estou muito feliz de saber que eles foram os primeiros trigêmeos a nascerem aqui na Santa Casa. É um marco para o hospital e, claro, para nós”, afirma.

Agora, ela e o marido, Thiago Chagas, planejam colocar etiquetas para identificar os filhos e não se perderem. “Apesar de serem diferentes, são bem parecidos. Então, vamos colocar etiquetas e até fazer uma tabela para não nos perdermos em saber quem já se alimentou e tomou banho”, conta.

Fonte: G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.