MOTORISTA PERDE O CONTROLE DE VEÍCULO, ATINGE POSTE E DEIXA CERCA DE 4 MIL LOCAIS SEM ENERGIA

18/06/2018

Três pessoas que estavam trabalhando no momento do acidente quase foram atingidas pelo carro que bateu em um poste e deixou cerca de quatro mil casas sem iluminação, na sexta-feira, dia 15, no Centro de Avaré.

Segundo João Batista, um dos trabalhadores, o motorista trafegava em alta velocidade em ziguezague e, por pouco, não atingiu o grupo, que descarregava materiais em uma vidraçaria próxima ao local da batida.

“Estávamos trabalhando em frente ao poste e o carro veio em nossa direção. O poste o parou, senão ia bater em nós”, conta. João também relata o susto que viveu no momento do acidente, pois, logo que o poste atingido caiu, começou a soltar faíscas.

“Em cinco segundos, ele [o poste] caiu e começou a sair faíscas dele e uns estalos. Então entramos no estabelecimento com medo de dar choque. Não tivemos reação na hora, foi muito rápido e um susto muito grande”, afirma.

Ainda segundo o morador, assim que os barulhos no poste pararam, eles foram até o motorista para ver se estava tudo bem. “Na hora, pensamos que ele tinha morrido, mas então ele saiu do carro e se jogou no chão. Logo percebemos que ele estava bêbado, pois ele estava muito alterado”, explica.

BATIDA – Segundo a Polícia Militar, o homem trafegava pelo Centro quando perdeu o controle da direção do veículo, bateu em um carro e só parou ao atingir um poste de energia elétrica. O homem chegou a ser levado ao pronto-socorro da cidade, mas foi liberado sem ferimentos.

Com o impacto da batida, o poste caiu, deixando cerca de quatro mil casas sem eletricidade. O fornecimento de energia só foi reposto e o serviço restabelecido duas horas após o acidente.

Ainda segundo a polícia, o motorista estava visivelmente embriagado e o teste do bafômetro confirmou que ele havia consumido bebida alcoólica. O resultado positivo foi de 1,32 mg de álcool por litro de sangue.

O homem foi preso em flagrante e levado à delegacia da cidade, onde o delegado arbitrou fiança de R$ 950. Como o valor não foi quitado, o motorista permaneceu detido e deve passar por audiência de custódia.

 

Fonte: G1

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *