MORADORES DO TERRAS DE SÃO JOSÉ SOFREM COM A FALTA DE ASFALTO

04/10/2017
Os moradores do bairro Terras de São José reclamam que a maioria das ruas estão sem pavimentação há 20 anos. Por conta disso, a poeira invade as casas, o que causa problemas de saúde para quem mora no local.

Segundo a estudante Vitória Laia, ela limpa a casa todos os dias, porém imóvel não “para” limpo. “Você limpa e em 10 minutos já está tudo sujo novamente. Vemos que em outros bairros a prefeitura está fazendo o asfalto, porém aqui eles dão a desculpa que falta verba”, conta.

O corretor José Edson Rodrigues Silva afirma que, por causa do pó, não pode ficar longe da bombinha para bronquite. “Todos os dias eu tomo diversos medicamentos e durante a noite preciso fazer inalação. Os médicos dizem que eu preciso tomar muita água e evitar o contato com o pó, mas como evitar o pó desse jeito?”, comenta.

De acordo com a cabelereira Mayara Teixeira, os moradores cumprem suas obrigações, como o pagamento de impostos. Porém, quando precisam da prefeitura, não tem retorno. “Nós pagamos nossas contas em dia, porém a prefeitura não nos atende em dia. A sensação que tenho é que estamos abandonados”, afirma.

OUTRO LADO – Em nota, a Prefeitura informou que a pavimentação deve começar até o fim de novembro, porém apenas nas ruas de entrada do bairro. Disse ainda que não há uma previsão de obras para as vias que ficam dentro do bairro por falta de verba.

Com informações do G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

  • Jansen Da Mayara Alves

    Para essa obra de grande utilidade as sofridas pessoas que moram lá não há verba. E para festas, carnaval e outras extravagâncias? O povo brasileiro é muito bom mesmo para suportar ser feito de bobo. Mais respeito com quem sustenta nosso município pagando corretamente seus impostos.