MARIALVA PEDE INFORMAÇÕES SOBRE MAMOGRAFIAS

09/06/2017

A vereadora Marialva Biazon apresentou requerimento pedindo para que a Secretaria da Saúde envie um relatório informando qual o número de pacientes com câncer de mama diagnosticado pelo município no segundo semestre de 2016 e primeiro semestre de 2017.

Segundo a vereadora, na reunião da Audiência Pública da Saúde foi informado que o número de mamografias autorizadas diminuiu de forma considerável e é importante verificar se houve aumento no número de casos dessa doença e como está sendo feito o diagnóstico dessas pacientes.

“A mamografia é um direito da mulher, direito adquirido com muito trabalho e muitas lutas. Não é justo que hoje não existe mais a mamografia para rastreamento, apenas para as mulheres acima de 45 anos” – disse a vereadora.

Durante a sua palavra-livre, Marialva falou que as informações são importantes para o acompanhamento das ações da saúde da cidade e que aguarda, dentro do prazo estabelecido pela lei, todas as informações solicitadas no documento.

ZONA AZUL – A vereadora apresentou outro requerimento pedindo para que a Prefeitura informe os motivos de não estar enviando o balancete de arrecadação mensal e seus respectivos relatórios do Sistema de Estacionamento Rotativo (Zona Azul), em consonância com o artigo 10 da Lei 830/06.

“Volta a insistir nesse assunto, o que existe é o cumprimento da legalidade e a Lei 830 diz que o prefeito tem que enviar para essa Casa o relatório até o dia 10 de cada mês. Nós já estamos em junho e até a presente data nenhum relatório veio nesse sentido. O que custa informar qual foi a arrecadação e de que forma está sendo utilizada?” – questionou Marialva.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.