MAIS DE 1000 PESSOAS PARTICIPAM DE MANIFESTAÇÃO EM AVARÉ

Manifestantes protestaram contra o governo federal e a presidente Dilma Rousseff, na manhã de domingo, dia 13, em Avaré.

De acordo com a Polícia Militar cerca de 1000 pessoas participaram do ato. Já os organizadores estimaram que 1.500 estiveram no protesto.

Os manifestantes se concentraram na Concha Acústica por volta das 10h30 e, em seguida, saíram em protesto pelas ruas da área central da cidade.

Eles passaram pelas ruas Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Largo São João e retornaram para a Concha Acústica. Durante a manifestação, os protestantes cantaram o hino nacional três vezes e também gritaram palavras de ordem. O protesto acabou por volta das 11h45 e foi pacífico.

PIRAJU – Em Piraju, manifestantes caminharam pela Praça Central por volta das 10 horas com faixas e cartazes. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 150 pessoas participaram do ato. Organização não estimou o número de participantes.

Ainda segundo a polícia, os manifestantes realizaram uma carreta pelas ruas da área central após a caminhada e cerca de 120 veículos participaram da carreata. O ato seguiu pacífico e terminou meio-dia.

ITAPORANGA – Em Itaporanga, manifestantes se concentraram na Praça da Matriz por volta das 15h com faixas e cartazes e ficaram no local até às 17h. De acordo com a organização, 130 pessoas participaram do movimento. A Polícia Militar não informou a estimativa do número de participantes. O protesto seguiu pacífico.

ITAPETININGA – A manifestação contra o governo da Dilma Rousseff começou às 15h, em Itapetininga e terminou uma hora e meia depois. Os manifestantes se concentraram na Praça dos Amores, na região central, e saíram em caminhada pelas ruas Quintino Bocaiuva, Barbosa Franco e Campos Salles.

O grupo retornou à Praça dos Amores, onde cantou o hino nacional. A estimativa de público da Polícia Militar é de 500 pessoas. Já os manifestantes informaram que 3 mil pessoas participaram da ação. Um clube de motociclistas da cidade também participou do ato percorrendo as ruas com 60 motocicletas.

Alguns manifestantes levaram faixas pedindo o impeachment da presidente Dilma e apoio ao juiz Sergio Moro, que está julgando os casos de denúncia da operação Lava Jato.

Fonte: G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.