VEÍCULOS ESTACIONADOS EM LOCAL PROIBIDO GERA CRÍTICA DE INTERNAUTA

05/01/2017
Indignada com a falta de consciência de alguns motorista, uma internauta postou em uma rede social, o fragrante de dois carros estacionados em local proibido no centro de Avaré.

Os veículos estavam parados na Rua Anacleto Pires, ao lado de um supermercado. Na postagem, a munícipe ainda criticou a decisão do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) de alterar o sentido da via para mão dupla.

“Placa de proibido estacionar e dois carros parados ali. Do outro lado não é proibido, mas como teve alguém muito inteligente do departamento de trânsito de Avaré que voltou o sentido da mão nos dois sentidos, os carros que descem ou sobem precisam parar, pois não cabe na rua. Quando vão fazer a coisa certa?”, questiona.

Devido a rua ser ingrime e de ter ocorrido vários acidentes no local, a administração do então prefeito Poio Novaes determinou que o trânsito fosse alterado para sentido único (centro-bairro), porém, o atual governo decidiu voltar atrás.

A rua conta um trânsito muito intenso, sendo que veículos estacionados acabam atrapalhando diversos motoristas.

Os motoristas em questão estariam infringindo o artigo 181 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). O primeiro crime seria enquadrado no capítulo que cita ser proibido estacionar “nas esquinas e a menos de cinco metros do bordo do alinhamento da via transversal”. A infração é considerada média, sendo o condutor penalizado com com multa e a remoção do veículo.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

One thought on “VEÍCULOS ESTACIONADOS EM LOCAL PROIBIDO GERA CRÍTICA DE INTERNAUTA

  1. OpiniaoDoSaraiva

    O ônus da volta ao trânsito em duas mãos nesse trecho que estava bem definido deve ser de algum solicitante que através de um vereador solicitou ao conselho municipal de trânsito que surpreendentemente aprovou esse pedido, com voto contrário constado em ata a pedido por um conselheiro. Como também o trecho da Rua Minas Gerais entre a Avenida e a rua XV de Novembro voltou a ser duas mãos, que retorne também a ser a Alagoas na subida do ginásio e outras ruas, daí a gente regride junto no mínimo uns 10 anos.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *