EX-JOGADOR PRESO EM AVARÉ POR NÃO PAGAR PENSÃO SAI DA CADEIA

13/01/2018
O ex-lateral de Corinthians e Palmeiras Rogério Fidelis Regis, que foi preso em dezembro do ano passado por dever mais de R$ 600 mil em pensão alimentícia, foi solto da cadeia de Cerqueira César na sexta-feira, dia 12, após cumprir a pena de 30 dias.

De acordo com a Polícia Civil, o mandado de prisão foi devido a uma a dívida de pensão no valor de R$ 663.101,24, que é referente ao período de dezembro de 2012 a julho de 2016.

O ex-jogador afirmou para a reportagem da TV TEM que a dívida não foi paga e que vai tentar uma renegociação.

Ainda segundo a polícia, ainda há uma dívida por pensão referente ao período de agosto de 2016 a dezembro de 2017, a qual o mandado de prisão poderá ser expedido nos próximos meses.

PRISÃO – Rogério foi preso no dia 14 de dezembro durante uma abordagem de rotina pela rodovia Castello Branco, em Avaré.

Segundo a polícia, o ex-jogador estava com a atual esposa no veículo retornando a São Paulo e acabou sendo parado em frente à base policial.

Durante a abordagem, os policiais constataram que havia um processo contra o ex-atleta na Vara de Família do Fórum de Campinas e que ele estava sendo procurado pela Justiça por uma dívida de pensão alimentícia.

Além disso, constataram que a CNH estava vencida desde 2012 e que o licenciamento do carro também estava vencido desde 2011.

Ainda segundo a polícia, Rogério foi autuado por estar dirigindo com os documentos vencidos e levado para a delegacia por ser considerado procurado.

O carro não chegou a ser apreendido, pois os dois filhos do jogador, de 8 anos e um bebê de nove meses, estavam no veículo e os policiais verificaram que esposa não havia habilitação. Com isso, uma pessoa foi solicitada para buscar a família do ex-atleta.

No dia 15 de dezembro, o ex-atleta foi transferido para a cadeia de Piraju, onde permanece pres12o, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

CARREIRA – Rogério, de 41 anos, é conhecido pelo lance das pedaladas de Robinho na final do Brasileirão de 2002. Ele e outros ex-jogadores que se destacaram nos anos 80 e 90, como Edílson Capetinha e Careca, participaram, na quarta-feira, dia 13 de dezembro de 2017, de um jogo festivo de futsal em Ourinhos, cidade próxima de Avaré.

O ex-lateral começou a carreira no União São João de Araras e ganhou projeção no Palmeiras, fazendo parte do elenco que conquistou a Libertadores de 1999.

Em 2000, ele se transferiu para o Corinthians e acabou marcado pelo pênalti cometido em Robinho na final do Campeonato Brasileiro de 2002, a jogada das pedaladas. Também defendeu Sporting-POR, Fluminense, São Caetano, Grêmio Osasco e encerrou a carreira no Barra da Tijuca, em 2013.

Com informações de Pedro Salgado/TV TEM



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.