EVENTOS DA ABQM SÃO TRANSFERIDOS DE AVARÉ PARA ARAÇATUBA

03/12/2018

A Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM) decidiu que os próximos eventos não serão realizados mais em Avaré e serão transferidos para Araçatuba.

O cancelamento ocorreu após o Ministério Público conseguir liminar na Justiça, em julho deste ano, proibindo a realização da prova do laço com a alegação de maus-tratos aos animais após denúncia ONG de proteção animal.

Em julho, o Campeonato Nacional da categoria, que seria realizado em Avaré, chegou a ser transferido para a cidade de Londrina, Paraná.

Na época, a associação afirmou que entrou com recurso, mas que em razão da incerteza e para evitar prejuízos, optou pela transferência do evento, já que 40% do campeonato envolvem prova do laço.

Segundo os organizadores do evento, a ABQM movimenta em média R$ 30 milhões em Avaré, entre distribuição de prêmios nas provas, leilões, comércio de produtos.

De acordo com o presidente da Associação Comercial industrial e Agropecuária de Avaré, Cássio Jamil Ferreira, o evento causará prejuízos para a economia de Avaré, já que que movimentava a rede de hotelaria, restaurantes e postos de combustíveis devido aos turistas.

Por telefone, os organizadores afirmaram para a reportagem da TV TEM que estão recorrendo da decisão que proíbe a prova do laço em Avaré, mas como não podem adiar os eventos, estão procurando alternativas, no caso a mudança para Araçatuba.

Afirmam que os eventos só saíram de Avaré por causa da questão judicial, já que quando eles foram para a cidade investiram milhões de reais na construção das arenas onde são realizadas as provas. Alegaram também que pretendem fazer investimento parecido em Araçatuba.

Fonte: G1



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.