ESTUDANTE DA FSP ALEGA TER SIDO IMPEDIDO DE RENOVAR MATRÍCULA

O estudante Thiago Henrique Justo Claro, que até o ano passado cursava Engenharia Civil na Faculdade Sudoeste Paulista (FSP), afirma que teve seu pedido de rematrícula negado mesmo após a Justiça ter emitido uma liminar suspendendo o processo administrativo que gerou seu desligamento da instituição de ensino superior.

A suposta negativa foi relatada em um boletim de ocorrência lavrado na noite de quarta-feira, 4. Acompanhado de seu advogado Vinícius Falanghe, Thiago afirma que tentou se matricular nos dias 1º, 2 e 3 de fevereiro, porém sem êxito. Ele alega que a instituição de ensino foi notificada da decisão judicial suspendendo o processo administrativo respondido por ele no dia 1º de fevereiro, mas não teria admitido a solicitação. O estudante disse ainda ter sofrido constrangimento quando foi retirado da sala de aula por representantes da faculdade.

Segundo o advogado do estudante, a faculdade teria cometido crime de desobediência. O defensor acrescenta ainda que seu cliente irá representar contra a instituição.

OUTRO LADO – O advogado da FSP, Adriano Bonametti, compareceu à delegacia no momento em que o estudante elaborava o boletim de ocorrência. O defensor não concordou com a suposta desobediência por parte da faculdade, pois, no seu entendimento, “o processo não se refere à liminar visando a rematrícula, e sim somente ao cancelamento do desligamento do aluno”.

Ele destacou ainda que “a ordem judicial em sede de liminar referente ao processo foi cumprida, pois revigorou o contrato (com o estudante) o qual expirou em 31 de dezembro de 2015”.

Confira a matéria completa na edição do jornal A Comarca.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *