ESTADO ANUNCIA LIBERAÇÃO DE R$ 7,7 MILHÕES PARA ATIVAÇÃO DE MATERNIDADE NO HOSPITAL ESTADUAL DE BOTUCATU

02/10/2018

O secretário de saúde do Estado de São Paulo, Dr. Marco Antonio Zago, visitou na segunda-feira, dia 1º de outubro, o Complexo Autárquico do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) e a Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB), em continuidade às suas comemorações de 55 anos.

Após conhecer o campus HC e da FMB, Dr. Zago dirigiu-se ao Hospital Estadual Botucatu (HEBo), onde anunciou a liberação de R$ 7,7 milhões para a ativação da Maternidade no Estadual. “Botucatu é um centro médico de extrema importância para a região. Estamos muito felizes em fazer esse anúncio, que fortalecerá a assistência às mães e recém-nascidos atendidos pelo HCFMB”, disse.

O superintendente do HCFMB, Dr. André Balbi explicou onde esse valor será investido. “Desse total, R$ 6 milhões serão destinados à abertura de 20 leitos obstétricos do HEBo, que atenderá os casos de baixa e média complexidade. Já R$ 1,7 milhão serão utilizados para ampliação da UTI neonatal do HC, que passará a ter 20 leitos, ou seja, um aumento 33% da capacidade atual”, afirmou.

A perspectiva é que o novo serviço esteja em funcionamento até o final deste ano. Acompanharam a visita o secretário-adjunto de saúde do Estado de São Paulo, Dr. Antonio Rugolo Junior; o superintendente do HCFMB, Dr. André Balbi; o diretor da FMB, Dr. Pasqual Barretti; a vice-diretora da FMB, Dra. Maria Cristina Pereira Lima; o chefe de gabinete do HCFMB, Dr. José Carlos Souza Trindade Filho; a docente da FMB, Dra. Marilza Rudge; o vice-diretor da Famesp, Dr. Trajano Sardenberg e a secretária-adjunta da saúde de Botucatu, Valéria Ferreira.

MESA REDONDA – Após o anúncio, o secretário realizou uma apresentação sobre “A importância dos hospitais universitários para o SUS”, onde falou sobre a cronologia do SUS, dados gerais de financiamento e os grandes sucessos do sistema, como a expansão da atenção básica, o aumento da realização de procedimentos complexos e o fornecimento de medicamentos de alto custo.

O tema proporcionou ampla discussão em mesa redonda, mediada pelo Dr. Pasqual Barretti. Além do secretário da saúde do Estado, do diretor da FMB e do superintendente do HCFMB, participaram o superintendente do Hospital de Clínicas da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, Dr. Antonio Gonçalves de Oliveira Filho e o superintendente do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da USP, Dr. Benedito Carlos Maciel.

“Foi um prazer estar em um grande Hospital como esse trocando experiências tão ricas. A educação médica moderna deve fortalecer a tônica do treinamento de qualidade nos serviços de saúde. Muito obrigado”, agradeceu Dr. Zago.

Dr. André Balbi comentou a importância do evento. “É muito bom ouvir coisas que às vezes achamos que só nós sentimos. Discutir temas como esse nos faz pensar em como se dedicar ainda mais pela assistência. Obrigado por esse dia tão especial”, finalizou.

Fonte: Acontece Botucatu



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.