EM AUDIÊNCIA, REPRESENTANTES DA IFS NEGAM TERCEIRIZAÇÃO NO PS

Durante audiência realizada pelo Conselho Municipal da Saúde, representantes da IFS – Diagnóstico por Imagem Ltda., empresa responsável pelos plantões no Pronto Socorro Municipal de Avaré, negaram que a empresa estaria terceirizando os serviços médicos.

Segundo Joana Cruz Marangon Machado, José Augusto Machado e José Ricardo de Almeida, a empresa, ao assumir a gestão do PS, procurou manter o contrato com os médicos que já atuavam na unidade e que haviam prestado serviços para a gestora anterior.

Porém, alguns dos profissionais da área de pediatria teriam se recusado a receber os vencimentos como pessoa física, mas apenas como pessoa jurídica “devido à menor incidência do imposto de renda”.

Para os representantes da IFS, a prática “não configura uma terceirização do serviço de gestão, a qual é de total responsabilidade da empresa”, destacaram. Confira a matéria completa na edição do jornal A Comarca.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.