ELEIÇÕES 2018: AVAREENSES NÃO CONSEGUEM SE ELEGER DEPUTADOS

08/10/2018

Cinco avareenses que concorreram nas eleições de 2018 não conseguiram se eleger no pleito realizado no domingo, dia 7 de outubro.

Carla Flores (MDB) e Marcelo Ortega (Podemos)disputaram a eleição para uma vaga na Câmara Federal em Brasília. Já Cabo Wilson (PSL), Alessandro Rios (PTB) e Antônio Carlos Curiati (PP) concorriam a uma vaga de deputado estadual.

Para a função de deputado federal, Ortega obteve 5.946 votos, porém o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) considera os votos recebidos como nulos, porque a candidatura tem pendências ainda não julgadas. Já Carla Flores obteve 2.525 votos.

Em relação a deputado estadual, o avareense mais votado foi Antonio Carlos Curiati (PP) que obteve 22.782 votos, porém não conseguiu uma cadeira na Assembleia Legislativa de São Paulo.

Cabo Wilson foi o segundo avareense mais votado, com 5.973 votos, enquanto Alessandro Rios teve 4.234 votos, 0,02% do total.

OUTROS DADOS – Das 65.108 aptas a votar, 75,31% compareceram para escolher o novo presidente, governador,senadores e deputado federal e estadual.

Para presidência, o mais votado em Avaré foi Jair Bolsonaro que obteve 60,31% dos fotos. Geraldo Alckmin teve 14,98% e Ciro Gomes, 8,58%. Fernando Haddad, do PT, teve 8,52% dos votos avareenses.

Já para o cargo de governador, Dória (PSDB) obteve 34,05% dos votos válidos. O atual governador, Márcio França (PSB), ficou em segundo com 28,79%, sendo que Paulo Skaf (MDB) em terceiro com 21,85%.

Entre os candidatos ao Senado, o mais votado em Avaré foi Major Olímpio (PSL) que obteve 31,80%. Mara Gabrilli (PSDB) teve 18,73%. Ambos foram eleitos senadores de São Paulo.

Dia 28 de outubro, os avareenses voltam as urnas para eleger o novo presidente e também o governador de São Paulo.

Disputam a eleição para presidente os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Já João Dória (PSDB) e Márcio França (PSB) disputam quem será o novo governador de São Paulo a partir de janeiro de 2019.

 

(Atualizado as 10:05 horas do dia 8/10/2018)



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.