ELEIÇÃO DO CONSELHO TUTELAR PODERÁ SER IMPUGNADA

A eleição para eleger os cinco novos membros do Conselho Tutelar de Avaré poderá ser impugnada. Denúncias apontam que o pleito realizado no domingo, 4, na Escola Municipal Ana Novaes foi marcado por irregularidades como boca de urna e número de cédulas de votação maior que o de votantes.

Informações extraoficiais dão conta que foram contabilizados 106 votos a mais do que o número de pessoas que participaram da votação. A informação foi confirmada pelo vereador Ernesto Albuquerque durante a sessão legislativa de segunda-feira, 5.

O petista revelou ainda que um determinado candidato teria locado um ônibus para buscar eleitores. “Eu estive votando e acho que foi uma lição de democracia, mas que precisa ser aprimorada em relação à boca de urna, principalmente dentro da instituição. Havia uma boca de urna escancarada. As regras das eleições realizadas no país deveriam ser seguidas também na eleição do Conselho Tutelar. Não tem sentido um cidadão pegar um ônibus o lotar de gente para votar nele. Está certo isso? Eu acho que não. Eu até ouvi que teve mais cédulas do que assinaturas. Precisa ver isso para ter legalidade essa eleição. Caso seja confirmado, a eleição tem que ser anulada. Foram 106 cédulas a mais que assinaturas”, disse o petista.

Participaram da votação 48 pessoas, sendo 44 mulheres e 4 homens que concorreram a cinco vagas para o Conselho nos próximos quatro anos. A coordenadora dos conselhos municipais, Helenize Eneias de Oliveira Silva, informou que o resultado será publicado no Semanário Oficial no sábado, dia 10. Após isso, as pessoas que concorreram a uma das vagas ao Conselho terão três dias úteis para impetrar com recurso solicitando a impugnação da eleição.

RESULTADO – Segundo informações obtidas pela Comarca, as cinco candidatas eleitas foram Sônia Maria Arruda Nunes (462 votos), Andréia Brisola Carvalheira e Bianca Cristina Viana Gambini (ambas com 451 votos), Rosana da Silva Ferreira (444 votos) e Marta Luzia Andrade Noronha Prado (438 votos).

Confira a matéria completa na edição do jornal A Comarca.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *