CRIANÇA DE 1 ANO AGREDIDA COM BARRA DE FERRO CONTINUA INTERNADA

20/10/2017

A criança de apenas 1 ano que foi agredida por um homem de 33 anos com barra de ferro em Iaras, continua internada no Hospital da Unesp em Botucatu.

Segundo a polícia, o rapaz foi autuado por tentativa de homicídio e feminicídio após agredir a mãe, de 70 anos, a namorada, de 32 anos, e a enteada de apenas 1 ano. Informações dão conta que tanto a mãe como a namorada já teria recebido alta.

De acordo com a polícia, testemunhas informaram que o homem e a namorada estavam juntos há poucos dias. Contudo, em uma discussão, ele pegou uma barra de ferro e agrediu as vítimas.

Ainda segundo a polícia, uma equipe foi acionada pelo irmão do rapaz e, quando chegou ao local, prendeu o homem em flagrante e encontrou as vítimas desacordadas.

O suspeito, que já tem passagens por tentativa de homicídio, vai responder por tentativa de feminicídio e violência doméstica. Se condenado, pode pegar 30 anos de prisão. Ele alegou à polícia ter problemas psicológicos e que as agressões foram consequência de um surto.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.