CONFIRMADO: ABQM DEIXA AVARÉ E VAI PARA LONDRINA (PR)

07/06/2018
Em nota enviada à imprensa, a Prefeitura de Avaré informou que a Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Quarto de Milha (ABQM) transferiu para a cidade paranaense de Londrina, o Campeonato Nacional da categoria que estava programado para ocorrer em julho no Parque de Exposições Dr. Fernando Cruz Pimentel.

A decisão, segundo o Vice-Presidente da Associação, Abelardo Mendes, se deu única e exclusivamente, por um impedimento jurídico em decorrência de uma Ação Civil Pública ajuizada por uma entidade de proteção animal alegando maus tratos aos animais envolvidos nas provas de laço da competição.

Uma liminar suspendeu a realização da modalidade no último evento realizado pela associação em março. Desde então, a ABQM vem tentando uma reversão da decisão para permitir que as provas sejam liberadas enquanto não há uma sentença com resolução de mérito, isto é, que se manifeste sobre a legalidade ou não das provas de laço. Para a ABQM, todos os animais que participam das competições recebem tratamento adequado, refutando totalmente qualquer tipo de violência.

Uma das principais modalidades, a prova de laço é responsável por atrair grande parte dos competidores. Com a aproximação do evento sem uma definição sobre a questão jurídica, a ABQM, segundo Abelardo, resolveu transferir a prova para uma cidade localizada fora do estado de São Paulo, onde ações do tipo vem sendo ajuizadas pela mesma entidade de proteção animal.

“A Prefeitura esclarece que há um contrato vigente com a ABQM permitindo que ela realize em Avaré, todos os seus eventos conforme estipulado. A procuradoria jurídica do município busca se habilitar no processo em curso por entender que há interesse público em jogo, com fortes reflexos na economia da cidade”.

A Prefeitura lamentou a transferência, mas entende as razões que levaram a ABQM a tomar tal decisão. “Avaré é, e vai continuar sendo, a primeira opção da ABQM para sediar seus maiores eventos. Nossa tradição, estrutura e localização privilegiada, além do enorme vínculo criado ao longo dos anos se assegura isso”. “Confiemos na prudência do Poder Judiciário e no cuidado dispensado pela ABQM aos animais utilizados em suas competições”, finaliza a nota.



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.