CASAL É PRESO COM MAIS DE 100 PAPELOTES DE CRACK

01/02/2019

Um homem e uma mulher, com 52 e 44 anos respectivamente, foram presos em Fartura na manhã de hoje, dia 31, em uma casa no centro da cidade, durante cumprimento de mandado de busca e apreensão por policiais civis da cidade, com apoio de uma guarnição da Polícia Militar. No local, situado a Rua Benjamin Constant, foram encontrados 104 papelotes de crack, que depois de aferidos em balança digital resultou no peso de 44 gramas.

Os suspeitos estavam no interior da casa quando da chegada dos policiais, mas não abriram a porta após o anúncio da diligência. Foi preciso arrombá-la para dar início à ordem judicial. Parte da droga foi localizada no rack de um quarto, onde também havia dinheiro proveniente da atividade ilegal praticada pela dupla.

A maior parte dos papelotes de crack, entretanto, foi encontrada sob a cama do referido cômodo (100 ao todo), dentro de um objeto plástico. As unidades estavam embrulhadas individualmente em papel alumínio, forma característica com que os traficantes costumam preparar essa substância para a venda.

Em razão das provas materiais reunidas no ato (dinheiro e da droga), em conjunto com  informações prévias  obtidas pela Delegacia de Fartura,  foi dada voz de prisão em flagrante ao casal por tráfico de drogas e associação para o tráfico, procedimento que foi ratificado pelo Delegada de Polícia, Dra. Jordana Rueda Amorim.

Ao término do auto de prisão, ambos serão conduzidos à presença do juiz de Direito da Comarca para a audiência de custódia. Caso a decisão judicial seja pela continuidade da privação da liberdade, eles serão transferidos para unidades do sistema penitenciário.

Deixe seu comentário



Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Avaré Urgente. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Avaré Urgente poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *